Os servidores da administração direta, autárquica e fundacional do Poder Executivo em Goiás trabalharão de forma remota enquanto vigorar o decreto que endureceu as medidas de restrição para controle da disseminação do coronavírus. Segundo informou o governo, a regra será frequentemente reavaliada, considerando as recomendações sanitárias da Secretaria de Estado da Saúde (...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários