Darlan Alves Ferreira, advogado da família de Susy Nogueira Cavalcante, de 21 anos, vítima de estupro em UTI do Hospital Goiânia Leste diz que o primeiro passo agora, após o encaminhamento já realizado do inquérito referente ao abuso sexual, será buscar a investigação sobre a causa da morte da jovem. A Polícia Civil, em nota, informou que a Delegacia da Mulher encaminh...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários